Informações sobre o álbums
  • editoria:Boa Forma
  • galeria: Revista Dieta Já! dá 11 dicas para exterminar a barriga
  • link: http://boaforma.uol.com.br/album/1006_chaparbarriga_album.htm
  • totalImagens: 11
  • fotoInicial: 10
  • imagePath: http://cs.i.uol.com.br/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120313154355
Fotos
Inclua no cardápio alimentos antiinflamatórios, que previnem o acúmulo de gordura no abdome: cúrcuma, gengibre, pimenta vermelha, chá verde, frutas vermelhas (mirtilo, uvas e morangos) e peixes em geral Getty Images Mais
Fique longe do excesso de açúcar - proveniente, principalmente, dos refrigerantes. No quesito bebidas, aliás, evite tomá-las junto às refeições para não comprometer a absorção de nutrientes importantes no processo de emagrecimento Getty Images Mais
Elimine as toxinas. Para tanto, saboreie, pelo menos, duas porções (1 pires) de couve, couve-debruxelas, brócolis ou agrião cozidas no vapor. Assim, você potencializa a desintoxicação do organismo. Se possível, opte pelas versões orgânicas Getty Images Mais
Reduza o estresse. Ele aumenta, de forma desequilibrada, a produção de cortisol (hormônio que estimula enzimas responsáveis pelo acúmulo de gordura no abdome). Como relaxar? Escolha alimentos que diminuem sua ação no organismo (abacate, chá-verde, vitamina C); intercale as refeições de três em três horas e invista em terapias corporais como, por exemplo, reiki, shiatsu e biodança Getty Images Mais
Acerte no óleo. Ao cozinhar, prefira o de canola, de soja, de arroz ou de coco (sempre em pouca quantidade). Entre outros benefícios, eles aceleram o metabolismo Getty Images Mais
Evite adoçantes artificiais. Eles aumentam a absorção de glicose - que será armazenada na forma de gordura no tecido adiposo (principalmente, na região abdominal). As versões naturais - à base de estévia - estão liberadas Getty Images Mais
Troque as carnes vermelhas por peixes e aves. O ideal é consumir versões como pescada, sardinha, merluza e lambari. Elas possuem menos toxinas e metais tóxicos que comprometem a "barriguinha" Getty Images Mais
Aposte em abacaxi, mamão e hortelã - principalmente após as refeições. Eles contribuem para uma eficiente digestão de proteínas, sendo potentes estimuladores estomacais Getty Images Mais
Incremente a salada. A dica é misturar o azeite de oliva com o óleo de gergelim, o de linhaça e o de macadâmia na azeiteira. Para completar, disponha sobre ela algumas folhas de ervas, como a sálvia, por exemplo. O prato é um grande aliado do processo digestivo Getty Images Mais
Controle os hormônios. Eles mantêm o funcionamento celular, regulando o metabolismo energético e o peso corporal. A sugestão é consumir cereais integrais, quinoa, linhaça, soja, frutas e vegetais e castanhas e azeite de oliva Divulgação Mais
Pratique exercícios físicos. Afinal, têm efeito importante na redução da gordura. Combine atividades que aumentam a massa muscular com aulas de "jump" e "bike". São excelentes! Getty Images Mais

Revista Dieta Já! dá 11 dicas para exterminar a barriga

Veja mais:

Últimos álbuns de UOL Dieta e Boa Forma



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos